Cursos de Fotografia

 Fotografar nunca foi um mistério nos tempos modernos. Adquirir um equipamento também não, principalmente os mais simples, mas com a era da fotografia digital e da nanotecnologia incorporando a câmera a em nossos “gadgets” do dia a dia, isto se tornou algo prático e instantâneo.

Que dirá da internet possibilitando que você tire fotos e já as compartilhe em tempo real na rede. É, tudo evolui muito rápido mas algo fundamental fica à parte… E a técnica?

É pensando nisso que foi criado este curso, baseado em outros já ministrados em outras instituições de Ensino Superior, tendo em apenas um dia com conteúdo condensado mas objetivo. O essencial para se fotografar com técnica – o seu primeiro passo dentro da fotografia como arte, documentação, expressão e memória.

Saiba o oque fazer, como fazer e com o que fazer para as técnicas fundamentais em fotografar, de pessoas a paisagens, de flores a animais.

Para um aproveitamento mais efetivo, as turmas são limitadas em 10 alunos e assim que fechada, outro curso é lançado com nova data e nova turma.

As inscrições são online, bastando se comprar sua vaga no curso via nossas lojas on-line e pagar no meio que mais lhe convir.

Compre sua vaga aqui:

Dúvidas? Entre em contato via e-mail: fab@bfas.net.br ou tel: (31) 4062-7153 / 9109-9692 – Fabiano
Compre sua vaga antes e faça economia. O desconto vai diminuindo à medida que se aproxima o dia de fechamento da turma. 

Oct 06

Steve Jobs

O Bureau homenageia o sábio homem que nos inspirou a criar nosso modelo de empresa, com a visão futurista e espírito inovador aventureiro para atuar no mercado com novas visões e perspectivas de negócios, com fundamentação acadêmica.

Steve Jobs (1955-2011) foi nosso guru, e para sempre será nossa alma inspiradora.

Jobs foi quem criou o conceito de interface gráfica (janelas, ícones, animações) na computação para usuários que hoje faz parte de celulares, terminais de caixas eletrônicos, menus de aparelhos domésticos, e claro, computadores.

Quando Jobs fundou a apple, ele queria ganhar dinheiro, mas não para se enriquecer, e sim ter verba para desenvolver suas pesquisas de inovação tecnológica, concretizar seus sonhos e conceitos que para a época eram “viagens de um louco com LSD” mas que com sua persistência e luta, provou para o mundo que coisas extraordinárias poderiam ser criadas e jamais antes foram pensadas. Fazendo do intangível algo prático, útil e palpável.

A Apple, assim como o começo da IBM, eram empresas de raízes acadêmicas, tendo seu ambiente de trabalho mais como um laboratório do que um escritório de negócios. Por isso que seus lucros são mais em royalties de patentes e licenças do que a própria venda de produtos; seu foco é criar conhecimento, conceitos e propragar-los.

Não eram capitalistas, eram cientistas trabalhando para para fazer algo cada vez melhor para nós. O mercado, marketing, vendas vinham só depois.

Este antigo modelo é o que imperou toda vez que Jobs deteve as rédeas da Apple: Criação primeiro, Capitalismo depois. E assim esperamos que a Apple – excelência em equipamentos, sistemas, tecnologias sejam para sempre a identidade desta marca que foi criada na garagem deste grande homem que nunca desistiu de teus sonhos e mesmo no momento mais angustiante de sua vida, lutou para que controlasse a sua criação sendo ainda oque ele sempre quis:

Uma realizadora de sonhos para toda a humanidade.

Com nosso pesar e votos de luz pela eternidade e prospecção de seu legado, como informou o site da Apple:
“”Estamos profundamente tristes em anunciar que Steve Jobs faleceu hoje. O brilho de Steve, sua paixão e força foram as fontes de inúmeras inovações que enriquecem e melhoram todas as nossas vidas. O mundo é incomensuravelmente melhor por causa de Steve. Os grandes amores da sua vida foram a sua esposa, Laurene e sua família. Nossos corações estão com eles e para todos que foram tocados por seus dons extraordinários.”

 

O Bureau F.A. presta seu ato de sentimentos pelo seu adormecer nesta terra e despertar nos céus.

Steve Jobs (1955 - 2011)

Fabiano Assunção

Fundador do Bureau F.A.

Feb 25

É possível aplicar sustentabilidade no meio tecnológico?

Sim! Tão possível quanto viável!

Uso racional dos recursos de TI além de gerarem economia, aumentam a mobilidade e escalabilidade de sua infra.

O conceito de Tecnologia da Informação Verde (Green IT)  se baseia na fabricação de produtos mais econômicos e que não utilizam substâncias perigosas como o Chumbo, dentre outros; no uso e administração de sua infraestrutura de forma a otimizar o uso e planejamento dos recursos e na reciclagem de utilização e descarte de produtos tecnológicos.

 

O Bureau F.A. renovou seu parque tecnológico para uso de netbooks e laptops ao invés de desktops (que são apenas utilizados em operações de alto processamento e  missão crítica), servidores foram aposentados e tiveram seus serviços movidos para um datacenter terceirizado.

Além de reduzir o gasto energético, a economia de espaço e diminuição da geração de calor, ganhamos em mobilidade. Todo o escritório pode ser intinerante, reduzindo os custos de transporte em casos de maior demanda, evitando que nossos membros tenham que se deslocar entre o escritório e clientes.

Com nosso investimento em Cloud Computing, permitimos o uso e acesso de serviços privativos da nossa equipe em qualquer parte do mundo, nos mais longíquos lugares, bastando ter conexão com a internet.

Investimentos em sistemas de rede sem fio possibilitaram economizar com cabeamentos que demandam muito cobre extraído da natureza e geração de poluentes na fabricação, impactos que também são minimizados com o uso de equipamentos menores (vantagens da nanotecnologia).

Selo de conformidade com a norma européia de restrição a substâncias perigosas.

Nas comunicações, optamos pelo uso prioritário de voz sob protocolo de internet, pois alem de reduzir custos operacionais, reduz o uso de outro serviço que gera  impactos (telefonia convencional) e permite o uso mais racional da infra estrutura tecnológica disponível.

 

Afinal Sustentabilidade é Economia.

Fonte: http://www.facebook.com/note.php?note_id=118656544874295

 

Feb 01

Migração Concluída

Você já viu a migração progressiva que o Grupo Santander está fazendo com o banco ABN AMRO Real? Pois é bem assim que está aconteçendo com o Bureau F.A. onde toda a plataforma de T.I da PROSPERUS está agora integrada e transferida, mantendo os mesmos serviços, mas com uma roupagem nova, somando o que tinha de bom nos dois para produzir algo melhor.

Jan 17

2011 uma odisséia no mercado

Retomamos nossas atividades nesta segunda-feira com toda força! Já finalizamos a migração para o controle do Bureau e iniciamos o “polimento” de produtos e serviços para que todos tenham um incremento de qualidade e eficiência para esta nova caminhada de 2011 e adiante.

Older posts «

  • Twitter
  • Facebook